terça-feira, janeiro 04, 2011

Não existem fronteiras

Por Luciano Bonfoco Patussi
01º de janeiro de 2011
Postado em: www.inter-clubedopovo.blogspot.com

Viajando através do tempo, voltamos muitas e muitas décadas em uma centenária existência. Para cada tempo de dor, uma vitória em clássico. Para cada eliminação traumática e frustrante, um título nacional, seja ele obtido através de um “testaço” de Figueroa, de um “paulistão” de Valdomiro, de “obras de arte” de Falcão ou de uma “patada” de Célio Silva. Para cada “quase queda”, uma libertação da América. Para cada época de dificuldade, um ano de trabalho e paixão. Eucaliptos floresceram. Um gigante se ergueu sobre as águas. O mundo ficou vermelho, rubro como o coração de todo o ser mortal que habita o planeta Terra.

Em uma temporada na qual o Internacional completará 102 anos de existência, será possível ver o seu torcedor batendo no peito – como de costume – e mostrando para o mundo inteiro ver que, quem veste vermelho, jamais sente vergonha. Isso porque o Clube do Povo tem uma história diferenciada da que foi vivenciada, em determinada época, por algumas outras agremiações existentes mundo afora. Um colorado jamais sente vergonha. Ele fica com raiva, mas se acalma e aplaude. Um colorado fica frustrado, pois amores também decepcionam. Porém, estes mesmos amores voltam cada vez mais fortes. Por isso, um colorado, quando se desilude, lembra de seu passado e sente seu coração pulsar em festa, trazendo para todos alegres emoções.

Torcedor colorado, este ano que se inicia será muito competitivo no cenário esportivo. Humildemente, assim como é regada a história colorada, é importante reconhecer isso. Entretanto, assim como haverá muitos obstáculos, haverá muita superação e paixão. 2011 será o ano para o torcedor apoiar o Inter dentro do campo de jogo, em qualquer local. 2011 será o ano para se lutar pelo 40º título estadual, buscando recuperar a hegemonia regional em um estado onde o Inter é o maior campeão de todos os tempos. 2011 será o ano para o time colorado tentar reconquistar a Recopa, enfrentando o Independiente e as sete taças da Libertadores que o time de Avellaneda carrega nas costas e na sua história. 2011 será o ano para o Inter buscar com todas as suas forças obter o título de tetracampeão brasileiro, conquista que não ocorre há mais de trinta anos. 2011 será o ano de “ruas de fogos”, cânticos, apoio total, fé, torcida e paixão, na difícil luta pelo tricampeonato da Taça Libertadores da América.

Torcedor colorado, o futebol é um jogo. Logo, qualquer um pode vencer. O resultado final disso é uma apaixonante incógnita, que só é revelada após o apito final. Mas quando um dos envolvidos nessa disputa é o Internacional, não existem fronteiras que não possam ser sonhadas, desbravadas e conquistadas. É preciso a torcida cobrar resultados com coerência e torcer com fervor – como sempre acontece. Dentro das possibilidades, é preciso se associar ao Inter, que já tem o sexto maior quadro social de clubes de futebol do mundo. Torcedor colorado, vista vermelho, se associe, faça parte dessa história, mostre para o mundo inteiro o que é ser Internacional e tenha um promissor, ótimo e feliz ano de 2011.

DESTAQUES

ESPECIAL DO CENTENÁRIO:
História Colorada e Fotos Antigas

ENTREVISTA: Delegado Poppe

O INTER NA REVISTA PLACAR

POESIAS COLORADAS


 Clique aqui para adicionar o Supremacia Colorada ao seu leitor de RSS favorito!

ASSINATURA

Receba diariamente o Supremacia Colorada em sua caixa postal!

Cadastre seu e-Mail aqui!

Ou adicione direto ao Google Reader!
Clica Aqui!

CONTATO DIRETO


O Blog Supremacia Colorada é administrado por Tiago Vaz, Conselheiro do Sport Club Internacional. Para entrar em contato diretamente com o administrador do Blog, por favor envie um e-mail para blog.supremacia.colorada no gmail

Leitores e Amigos no Google+

COMUNIDADE


Participe da nossa comunidade no Orkut!

Translate

Marcadores