terça-feira, setembro 15, 2009

GAMARRA, O MAIOR ZAGUEIRO DE UMA GERAÇÃO

Por Luciano Bonfoco Patussi
15 de setembro de 2009

Há exatos 14 anos estreava no time do Internacional o maior zagueiro que já vi jogar. Pode parecer exagero, nada comparado a quem viveu aquela tarde ensolarada de 15 de setembro de 1995. O Gigante da Beira-Rio era tomado por uma multidão de colorados, loucos por uma conquista, fanáticos pelo seu time e curiosos por ver o futuro novo ídolo com a "jaqueta" vermelha. Carlos Alberto Gamarra Pavón. O paraguaio Gamarra estreou em um empate colorado, placar de 1 a 1 contra o Goiás. O Beira-Rio tinha cinquenta ou sessenta mil pessoas. E vi o melhor zagueiro do mundo jogar! Gamarra tornou-se ídolo. Chegou a Porto Alegre comparado ao eterno dono da grande área colorada, Don Elias Figueroa. Muitos dizem que era melhor. Pode ser exagero. Não vi Figueroa, eterno capitão jogar. Sei se sua história, sua importância. Tantas vezes eleito melhor zagueiro do mundo. Mas o melhor zagueiro que eu vi jogar foi ele: Gamarra, "el colorado", predestinado apelido de infância, devido às sardas que inundavam sua face.

Gamarra era a técnica capaz de pentear um atacante goiano em sua estreia. A mesma técnica que o levou a atravessar uma Copa do Mundo inteira sem cometer praticamente nenhuma falta, sendo eleito melhor defensor do mundial. Gamarra era a força capaz de destroçar o tornozelo do Edmundo em um lance limpo em que só acertou a bola e saiu jogando limpamente. Gamarra representava o temor adversário, ao fazer Romário, certa vez, clamar dolorosamente pelo banco de reservas. Gamarra representava o torcedor em campo, ao implorar para não sair do Inter após erguer a taça do título gaúcho de 1997 - isso tendo contrato já assinado com o Benfica e com dólares se direcionando para sua conta corrente!

Gamarra era isso. Gamarra foi melhor que Mathias Sammer. Gamarra foi melhor que Fábio Cannavaro. Gamarra foi melhor que Paolo Maldini. Gamarra foi um mito paraguaio de garra porteña, gaúcha e técnica genuinamente brasileira a serviço do Internacional entre 1995 e 1997.

DESTAQUES

ESPECIAL DO CENTENÁRIO:
História Colorada e Fotos Antigas

ENTREVISTA: Delegado Poppe

O INTER NA REVISTA PLACAR

POESIAS COLORADAS


 Clique aqui para adicionar o Supremacia Colorada ao seu leitor de RSS favorito!

ASSINATURA

Receba diariamente o Supremacia Colorada em sua caixa postal!

Cadastre seu e-Mail aqui!

Ou adicione direto ao Google Reader!
Clica Aqui!

CONTATO DIRETO


O Blog Supremacia Colorada é administrado por Tiago Vaz, Conselheiro do Sport Club Internacional. Para entrar em contato diretamente com o administrador do Blog, por favor envie um e-mail para blog.supremacia.colorada no gmail

Leitores e Amigos no Google+

COMUNIDADE


Participe da nossa comunidade no Orkut!

Translate

Marcadores